sábado, 18 de Agosto de 2007

Malefícios do Sol

Há coisas que não consigo mesmo entender. Chega o Verão e a história é sempre a mesma. A toda a hora vemos na televisão e ouvimos na rádio que é necessário termos cuidado com o sol, aplicar protector solar, evitar a exposição solar entre as 11h e as 16h, blá blá blá... Cada vez que ouço estes conselhos penso "mas porque é que estão a dizer outra vez o mesmo, já toda a gente sabe!".
Mas basta-me ir à praia uma vez para perceber que na realidade todos estes conselhos não são suficientes, tal é a inconsciência e irresponsabilidade das pessoas.
Adoro ir à praia de manhã, é mais sossegado e normalmente não há vento. Ás 11h, nem preciso consultar o relógio porque começo a sentir o calor em demasia para o meu corpo, recolho as minhas coisinhas para regressar a casa. É incrível a quantidade de pessoas que está a chegar à praia a essa hora. A concepção de férias dessas pessoas é acordar tarde, ir para a praia sem qualquer cuidado nem receio do sol e aproveitar ao máximo para bronzear. E mais engraçado é que quando essas pessoas são chamadas à atenção a resposta é sempre a mesma "O sol nunca me fez mal, não é agora que vai fazer. Vês, eu nem sequer fico vermelho!". É mesmo frequente encontrar-se na praia alguns "camarões" que continuam a expôr o seu belo corpinho ao sol sem qualquer cuidado. "Está vermelho mas depois fica moreno", é o pensamento de tão sábias pessoas!
Mas afinal, o que é que estas pessoas ainda não perceberam?? Os problemas advindos do excesso de exposição solar não se verificam no dia seguinte! Daqui a uns anos queixam-se do azar porque têm um cancro de pele ou outra doença qualquer, mas agora não fazem nada pela sua própria saúde. Isto só pode ser inconsciência e é urgente mudar este tipo de comportamentos.
O sol é tão bom quando bem aproveitado, com os devidos cuidados e sem exageros desnecessários!

Sem comentários: